04 janeiro 2008

Fantasias...


Toda a gente tem capacidade para fantasiar. “É um processo como o de imaginar, de recriar, de elaborar e reelaborar no espaço imaginário”,(...).“Somos todos capazes de idealizar o parceiro amoroso, por exemplo, e a fantasia é um processo semelhante.” Mas na era do prazer, as fantasias sexuais curiosamente ainda pertencem, de uma certa forma, ao universo do tabu.

Freud colaborou para (...) fantasias sexuais quando, no início do século passado, afirmou: “Uma pessoa feliz não fantasia, apenas aquelas que se encontram insatisfeitas.”

Mais outro artigo, muito curioso, para lerem AQUI

1 comentário:

barb michelen disse...

Hello I just entered before I have to leave to the airport, it's been very nice to meet you, if you want here is the site I told you about where I type some stuff and make good money (I work from home): here it is