24 março 2006

A bela agonia

«- Sabes que (...) nesses momentos, quando me deixo ficar dentro de ti, lembro-me, quero-me lembrar de tudo. Talvez aí esteja a pequenina diferença: no momento em que te esqueces de tudo eu quero lembrar-me de tudo... eu não me desfaço quando me venho, pelo contrário, quando me venho alcanço a lucidez suprema, a lucidez de quem se aproxima da morte... de olhos abertos»

in Casimiro de Brito, "Imitação do Prazer", Publicações Dom Quixote, 1991

Sem comentários: