05 dezembro 2007

Peitos, mamas ou tetas se preferirem...


As gajas, digo, as meninas, as adolescentes e as mulheres, todas, sem excepção. elas tem "o sonho", isto porque nenhuma mulher está completamente satisfeita com aquilo que tem, e falo obviamente dos peitos, mamas ou tetas se preferirem. Nenhuma mulher acha que tem um peito bonito, quer dizer, aquelas que já se mentalizaram que nunca vão ter dinheiro para o modificar, concluiram que o seu peito é muito giro e nunca o vão mudar!

O implante mamário das pobres, é o período e a gravidez, é aquela altura que o peito fica maior, e conseguem viver um período feliz/triste com um peito elegante mas com dores menstruais ou de gravidez.

A solução para as mulheres, é mesmo a operação, crescem com a ideia na cabeça: "quando tiver muito dinheiro a primeira coisa que faço é uma operação!", até aqui tudo bem, porque, nos Estados Unidos, o que há mais são prendas desse género, os implantes as filhas e as mulheres.

O que pensa um homem acerca disso?
Claro que nós gostamos, todos, de peitos grandes, redondos, rijos; daqueles de meter respeito, que sirva de brinquedo para muitos e longos anos, então vivemos com essa obsessão, e nem sequer reparamos se são verdadeiros ou falsos, porque basta ser grande para gostarmos e pequeno para ignorarmos, somos assim, "materialistas".
Vivendo num mundo utópico, muito materialista, que um homem conseguisse distinguir, as coisas seriam algo como, "Ah, comida de plástico, eu também gosto de macdonalds...", ou mesmo, "Quando tenho restos no frigorífico guardo num tupperware, é tudo plástico, e não me queixo...".

O que pensa um homem a SÉRIO, acerca disso?
Um homem a sério, não gosta muito de brincar com plástico. É verdade, um homem quando descobre que são peitos falsos fica um uncadinho "nhé", isto porque, parece que vive num mundo irreal, são peitos, mas não são dela, e ficam com aquela "miudinha" na cabeça, da mesma maneira que sentimos quando uma gaja nos pergunta se queremos "ir mandar uma...", não acontece, e quando acontece, ela fica muito fútil, e ninguém quer uma mulher fútil, para si, é fácil demais!

Conclusão:
Mamas de plástico ficam bem em actrizes e em modelos de revista, as mulheres que são reais, que falam na nossa cara, é preferível manterem-se fieis ao peito pequeno ou grande, caido ou descaido, porque um homem gosta de coisas que venham assim de fábrica (é como tirar um RANGE no stand e ver ele, ao longo dos anos, a cair sem vender nem trocar...) e não de tunning ou quitadas!

Sem comentários: