17 novembro 2006

É raro querer e poder


Viver na duvida é fudido pra caralho!!!! Mas quem não comete o "erro" (que não é defeito) em desconfiar de alguém? Muitas gajas, estatisticamente, andam (fodem) com 2 gajos ou mais por dia, outras (as com pudor) ficam apreciando e fantasiando com o visinho mesmo sendo comprometidas! Outras se dizem tímidas mas nada que com um empurrão não resolva, outras são oferecida mesmo e vão na labia de qualquer um! Aí eu pergunto: Com tantas gajas oferecidas por aí, o que poderia ser de nós homens?

Acho que metade das gajas pensam assim, não vamos ver só pelo lado das gajas, sei que tem muita cabra por aí. Mas o homem nasceu do berço já com 2ª intenções (pelo menos eu acho).
Eu desconheço um gajo que nunca olhou pro rabo de outra gaja (as vezes a cara de pau é tanta que faz na frente da namorada!); que nunca ficou com uma gaja nas férias de final do ano sem a namorada soubesse. Que não saiu pra disbunda depois de ter mentido que ia ficar em casa dormindo; que disse "eu te amo" da boca pra fora só porque viu a namorada tristinha.

É muito fácil manipular um ao outro, é um jogo e no fim quem perde é sempre aquele que brincou. Acho que ninguém gosta de ninguém, mas é estranho ver um casal de 80 e poucos anos cada um, (nem sei quanto tempo de casamento) se amam feito dois adolescente. Quem aguentou quem? Acho que tem gente com o par errado, e quando encontra, aí não tem pessoa no mundo que ocupe aquele lugar.

Por isso é que digo, só amamos quem não nos ama, ou brincamos com os sentimentos de quem nos ama de verdade ou gosta de alguém muito longe, coisas sem futuro! Não se pode levar à sério qualquer um(a) porque podes te fuder depois. É raro querer e poder, amar e ser amado, ser feliz para sempre.

Sem comentários: