16 maio 2006

Reencontro

Depois de um dia cansativo de trabalho, nada melhor que uma boa surpresa: um reencontro de velhos amores, por exemplo.
Os anos passam, as vidas mudam, mas há cumplicidades que nunca se perdem, há sorrisos que nunca se esgotam e, de repente, tudo parece (docemente) parado no tempo. Vou ver minha alma gémea...!

Sem comentários: