14 novembro 2006

Gajas Oferecidas


Já repararam como as gajas conseguem ser oferecidas quando pretendem conseguir algo? Numa entrevista, por exemplo, as gajas chegam em frente do tipo que as entrevista e ficam todas sensuais: pestanejam os olhos, afinam as sombras selhas, fazem biquinho, cruzam as pernas tudo isso para convencer ao outro gajo que a gaja é mole... Sim, porque eu com uma gaja à minha frente numa situação dessas admito-a e de seguida convido-lhe para almoçar, jantar e para criar o caminho para papar-lhe mais tarde. São raros os casos, de gajas inteligentes, que chegam onde quer que seja e para que assunto for, e dizem sem um único sorriso parvo na face: — Sim, pretendo juntar-me ao vosso grupo de trabalho e a minha proposta salarial é esta...! Sim, estas são as chamadas mulheres inteligentes. Mudam-se os tempos mudam-se as vontades, esta expressão não é para todos...
As burras, convencem-se do seu poder charmoso e aceitam convites para almoços, jantares e estão sempre com um sorriso cínico na face... Imagino o quanto esforço fazem para rirem até a hora de irem embora... Estas são as chamada mulheres profissionais! Na maior parte dos casos depois de muitos almoços e jantares o gajo de tanto leva-la com facilidade para almoçar e jantar ganha coragem e introduz o papo da queca: — Sabes, a posição que te prometi e o salário têm que ter algo em troca...
Fodas, o que esperava a gaja? Que lhe desse uma percentagem salarial no final do mês? Claro que a conversa era para o mais precioso dos troféus: tirar a calcinha!

Mais não disse,

Sem comentários: