01 novembro 2006

Felicidade das gajas

Um gajo acorda com a maior de todas as ressacas, vira-se, e ao lado da cama está um copo de água e duas aspirinas. Olha em volta e vê a sua roupa passada e pendurada. O quarto está em perfeita ordem...

Há um bilhete da sua mulher a dizer: "Querido, deixei café pronto na cozinha. Fui ao supermercado. Beijo com amor."

Ele desce e encontra um grande café à espera dele, e pergunta ao filho:

- O que aconteceu ontem?
- Bem, pai, tu chegaste às 3 da manhã, completamente bêbado, vomitaste o tapete da sala, partiste móveis e deste cabo do olho ao bater contra a porta do quarto.
- E porque é que está tudo arrumado, café feito, roupa passada, aspirinas para a ressaca e um bilhete amoroso da tua mãe?
- Bem, é que mãe arrastou-te até a cama, e quando te começou a tirar as calças, tu gritaste: "Larga-me sua puta que eu sou casado e não traio a minha mulher!" e depois desmaiaste e mae comecou a rir de felicidade...

Sem comentários: